Share Voto Rápido

Poll link

500 px
350 px
250 px
Pré-visualizar

- Pré-visualizar

Largura - Altura em pixeis - pixeis

Fechar pré-visualização
! Está a usar um navegador que não é compatível A sua versão do navegador não está otimizada para a Toluna, recomendamos que instale a versão mais recente Atualizar
A nossa Política de Privacidade rege a sua participação no nosso Painel de Influenciadores, que você pode acessar aqui. O nosso website usa cookies. Como no mundo offline, cookies tornam qualquer situação melhor. Para aprender mais sobre os cookies que são usados no nosso website, verifique a nossa Política de Cookies.

M4102987

  4 meses atrás

#igualdadeparatodos

A igualdade de géneros ainda está longe de ser verdadeiro em muitos países. Temos vindo a evoluir mas ainda falta muito para se tornar realidade, continua a haver muita desigualdade entre o homem e a mulher, principalmente igualdade de direitos no trabalho e no salário.
Muitos trabalhos iguais em que homem e mulher exercem a mesma função, o homem ganha mais do que a mulher, muitas vezes,pelo simples facto que a mulher devido à sua condição de mulher, mãe, esposa e cuidadora de família tem de faltar ao trabalho, ou chegar mais tarde ou sair mais cedo e é-lhe descontado no ordenado.
Com a pandemia, a situação piorou mais para o lado das mulheres, se foi necessário despedir pessoas, as primeiras foram as mulheres, procurar emprego já não foi tão fácil pois muitas tiveram que ficar em casa com os filhos, em vez de ser o pai, muitos, se não a maioria dos casais optaram por ser a mulher a ficar em casa e o homem ir trabalhar, pois quem cuida dos filhos e da casa é mais a mulher do que o homem. A desigualdade continua mas temos que mudar mentalidades, julgo que os mais novos, como os da idade dos meus filhos e depois os meus netos a situação irá melhorar pois nós estamos sempre nessa luta e eles irão continuar e a situação mudará, pelo menos nos países mais desenvolvidos.
Responder
Comente

AnaT71

  4 meses atrás
Bom ponto de vista! Boa sorte! Responder
0 comentários

afradinho

  4 meses atrás
Este assunto reporta-se a Portugal??? pois... daqui a 40-50 anos talvez as coisas estejam mais equilibradas. Responder
0 comentários

anitaf1970

  4 meses atrás
Concordo que as novas gerações e as outras a seguir já serão mais alertados e conscientes dessas realidades e continuarão o caminho de atenuar as desigualdades e injustiças sociais e de género. Responder
0 comentários

Copiado para a área de transferência

Está quase lá

Para poder criar conteúdo na comunidade

Verifique seu e-mail / reenviar
Não, obrigado! Estou apenas de passagem

OK
Cancelar
Desactivamos a funcionalidade de login com Facebook. Por favor, digite o e-mail associado ao seu Facebook para receber um link de criação de palavra-passe.
Por favor, insira dados válidos para Email
Cancelar
A processar...
Quando coloca uma imagem, o nosso site fica melhor.
Carregar